fbpx

A Editora Juruá acaba de lançar a 2ª edição do livro “Em Pleno Corpo – Educação Somática, Movimento e Saúde”.

Nesta edição, um dos artigos que compõem o livro foi escrito por Alice Becker, presidente da PHYSIO PILATES®. Trata-se do artigo: “Emagrecimento: como o Método Pilates pode auxiliar na luta para perder peso – PG 306”!
Sinopse do livro: Este livro apresenta, através de diferentes vozes nacionais e estrangeiras, uma variedade de métodos e técnicas que desautorizam a concepção cartesiana, responsável pela conhecida cisão entre corpo e mente. Os artigos presentes nesta publicação são tratados cientificamente e se revestem de intenção pedagógica. Por isso, com vivacidade, interessam não só atletas, bailarinos, músicos, professores e terapeutas, mas também, a todos aqueles que desejam conhecer o corpo. Preocupar-se com ele é a lição veiculada pelos artigos desta edição; porém, fora do circuito narcisista.

De modo geral, a leitura da obra revela saberes necessários para o nosso bem-estar e para a nossa saúde como um todo, tais como: habitar o corpo; estar no corpo; ouvir o corpo; sentir as vibrações que ele produz; viver-lhe o ritmo e o tônus; saber como usá-lo e movimentá-lo. Em suma, trata-se de uma tomada de consciência corporal que vai sendo progressivamente rasurada pelo viver pós-moderno, pelos hábitos sedentários, pelos movimentos repetitivos, pela rotina de trabalho, pelas exigências da arte e do esporte, pelas formas da cultura, pela inércia e, até, pela força da gravidade.

Levei muito tempo para resgatar a consciência corporal perdida. Foi por não ouvir o corpo e não saber habilitá-lo, que desenvolvi um corpo-doido-moído . Mas, um dia, tomei a decisão de aprender a lidar com o corpo pelo caminho da educação somática. Tornei-me aprendiz de meu próprio corpo. Fiz aulas de Antiginástica, Técnica de Alexander, e, atualmente, faço Pilates. A cada aula, conquisto conhecimentos que me ensinam a viver em um corpo fluido, dentro de um padrão por mim conquistado, e não imposto pela cultura. Assim, ler Em pleno corpo: educação somática, movimento e saúde é tomar uma decisão a favor do corpo.

Responsável pela compilação e montagem do livro: Débora Bolsanello nasceu no Brasil e é cidadã canadense. Bacharel em antropologia pela Université de Montréal, Débora é Mestre em dança pela Université du Québec à Montréal. Sua dissertação aborda a aplicação de técnicas de educação somática dentro do tratamento de dependentes químicos. Pós-graduou-se em educação somática pela Université du Québec à Montréal. É diplomada como professora de autoreeducação corporal pelo Centre d’Étude et Recherche en Autorééducation Neuromusculaire, (Montréal), onde foi aluna de Sylvie Boë, fisioterapeuta francesa que trabalhou com Mézières, Thérèse Bertherat, S.Piret e MM.Béziers; Yanic Coran, psicoterapeuta e Thierry Dumont, osteopata especialista nas Cadeias Musculares GDS.

Diplomou-se massoterapeuta pelo Institut Kinéconcept em Montréal. Formou-se no Centre Pilates de Montréal; criou as disciplinas “Antropologia do corpo” e “Introdução à Educação Somática” no programa “Abordagens Terapêuticas Corporais” da Universidade Pestalozzi, Rio de Janeiro, Brasil.

Hoje, Débora é assistente de pesquisa do CERAP – Centro de Estudos e Investigação Aplicada em Psicopedagogia Perceptiva, Universidade Fernando Pessoa do Porto, Portugal. Débora é a diretora de MOVIMENTO, Enseignement et Recherche en Éducation Somatique, e diretora pedagógica da Formação em Técnicas de Educação Somática no Brasil.

×